• mapa de mídias
  • Portal SEI
  • Banner racismo
  • Estado voluntário
  • Bahia estado voluntário

Desenvolvimento

21/10/2019 16:00

Bahia comercializa 55% de novos projetos eólicos em leilão de energia

A Bahia continua protagonista no setor de energia eólica no Brasil e acaba de alcançar nova liderança no Leilão de Energia Nova A-6, da ANEEL, realizado na última sexta-feira (18). Dos 44 projetos comercializados no certame, 55% de toda a energia eólica contratada foi para o estado, com um total de 604,20 MW de capacidade, o que corresponde a 20.600.100/MWh de energia.

"Os 24 parques comercializadas para a Bahia irão se somar às 73 usinas que estão em fase de construção e construção não iniciada, e o estado terá um total de 97 usinas que entrarão em operação até 2025", comemora o vice-governador João Leão, secretário de Desenvolvimento Econômico.

O investimento previsto para os novos parques comercializados no leilão será de aproximadamente R$ 2,4 bilhões. Serão beneficiados os municípios de Uibaí, Tanque Novo, Ibipeba, Campo Formoso, Caetité e Brotas de Macaúbas.

“Esse resultado mostra a posição de destaque do estado na atração de projetos da geração de energia elétrica a partir da fonte dos ventos. No país, o território baiano foi contemplado com o maior número de projetos eólicos que deverão iniciar a operação comercial nos próximos seis anos”, ressalta Marcus Cavalcanti, secretário de Infraestrutura.

No leilão, o Rio Grande do Norte ficou em segundo lugar na comercialização, com 12 projetos, seguido da Paraíba, com seis, e do Piauí, com dois parques. De acordo com a SDE, na Bahia, há atualmente 160 usinas em operação. Com os parques em construção e os projetos comercializados no Leilão o estado chegará a 257 parques eólicos nos próximos anos. 

Fonte: Ascom/Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE)

Áudio:

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.