• mapa de mídias
  • Portal SEI
  • RH Bahia
  • RH Bahia
  • Casa Nova

Desenvolvimento Rural

13/09/2019 18:50

Município de Wagner sedia IV Feira Agroecológica da Chapada Diamantina e Pré-Jornada de Agroecologia

O município de Wagner, localizado no Território de Identidade Chapada Diamantina, está sediando, nesta sexta-feira (13) e sábado (14), a IV Feira Agroecológica da Chapada Diamantina e Pré-Jornada de Agroecologia. O evento, que acontece no Assentamento São Sebastião de Utinga, é realizado pelo Colegiado de Desenvolvimento Territorial da Chapada Diamantina, com o apoio do Governo do Estado, por meio da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), empresa pública vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), e de outros órgãos do Estado, instituições públicas do município e organizações da sociedade civil.

Durante a abertura do evento, foi realizada a entrega de 24 microtratores com implementos, para associações comunitárias, cooperativas e sindicatos de trabalhadores rurais, dos municípios de Andaraí, Ibicoara, Iramaia, Novo Horizonte, Nova Redenção, Mucugê, Ibitiara, Piatã, Utinga, Lençóis, Seabra, Wagner, Jussiape e Barra da Estiva, localizados no Território de Identidade Chapada Diamantina.

O diretor-presidente da CAR, Wilson Dias, reforçou que a estratégia do Governo do Estado é fomentar o desenvolvimento rural dos municípios, a partir do investimento na agricultura familiar: “Quando a gente leva equipamentos como estes que estão sendo entregues, significa que em cada propriedade rural a quantidade de área plantada vai ser maior, as pessoas vão ampliar também a diversidade de produtos que cultivam. Nosso papel é estimular o crescimento da produção rural em cada município, e a Chapada Diamantina tem alguns projetos implantados, a exemplo das agroindústrias de beneficiamento de morango, café, mandioca, projetos ligados a comunidades quilombolas e  Indígenas, ou seja, uma quantidade de iniciativas que quando analisamos cada uma delas, verificamos pessoas produzindo, aumentando sua renda e melhorando sua qualidade de vida”.

A ação é do Governo do Estado, executada pela CAR/SDR, a partir recursos oriundos Programa de Apoio aos Territórios de Identidade. O objetivo é viabilizar o acesso à tecnologia voltada para o campo, para melhorar as condições de trabalho e a vida das famílias que vivem da agricultura familiar na Bahia. Possibilitando, também, às famílias uma maior produtividade e condições de sustentabilidade, além de fortalecer e dinamizar a economia local.

O coordenador do Colegiado Territorial, Wilson Pianissola, destacou a importância das ações realizadas por meio de parcerias entre colegiado, Governo do Estado, por meio de instituições como a CAR/SDR, para o desenvolvimento do Território: "Do ano passado para cá, são mais de R$15 milhões que foram aprovados para projetos em nosso território. As cooperativas que estão construindo seu processo de industrialização e de comercialização, além de outros programas que chegaram. Isso é importante para o território”.

Para o presidente da Associação Comunitária Chure e diretor financeiro da Cooperativa de Produtores Orgânicos e Biodinâmicos da Chapada Diamantina (Cooperbio), Laércio dos Anjos, esse equipamento será de grande utilidade para o manejo da produção de café, pois vai permitir a roçagem do mato nas entre linhas das plantas, além de contribuir no trabalho de adubação e manejo da lavoura em geral: “Atualmente, praticamente todos os cooperados sentem a necessidade desse equipamento”. Ele conta que o trabalho de limpeza do mato ou de ervas daninhas é feita com a enxada, e que por isso os equipamentos irão melhorar muito as condições de trabalho das 50 famílias de agricultores familiares atendidos com a ação.

Programação da Feira

Durante o evento, o público terá a possibilidade de participar de rodas de conversa, mutirão de reflorestamento do Rio Utinga, visita a viveiro de mudas, apresentações culturais e Festa dos Vaqueiros, entre outras atrações. Entre as temáticas que serão debatidas está a defesa do Rio Utinga.

Participaram da abertura oficial do evento representantes da Comissão Pastoral da Terra, Centro de Educação Profissional (Cetep), Secretaria de Promoção da Igualdade (Sepromi), e de associações, cooperativas e lideranças do território.

Fonte: Ascom/Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR)

Áudio:

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.