• mapa de mídias
  • Portal SEI
  • RH Bahia
  • RH Bahia
  • Casa Nova

Sugestão de pauta

13/08/2019 14:00

Série de curtas sobre pessoas em situação de rua será lançada nesta quarta-feira

O Programa Corra pro Abraço, iniciativa da Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS), e a Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) lançam nesta quarta-feira (14), às 14h, a série de curtas 'Nas Vidas das Ruas', que conta as histórias de vida de 10 pessoas que vivem ou viveram em situação de rua, a partir das suas próprias narrativas e embaladas pelas canções do banda Afrocidade, cedidas para construção da trilha sonora da produção audiovisual. O lançamento será realizado na Escola de Administração da Universidade Federal da Bahia (Ufba), no Vale do Canela, em Salvador. 

Pessoas como Heloína de Jesus, 78 anos, que chegou à Salvador ainda adolescente e dormia na rodoviária. “Ficava sentada no meio fio, debruçada, assustada”, diz ela, que sobreviveu às adversidades da vida ganhando dinheiro como lavadeira. Também viveu na rua Lindineia de Oliveira, 37, que encontrou afetividade nos becos e vielas. “Tem gente que nos abraça e ajuda. É até melhor do que muita família”. Ou como Josevaldo Teixeira, que começou a morar na rua aos nove anos, após fugir das violências que sofria em casa.

Caminhos que se cruzaram em ações do Corra pro Abraço e agora serão compartilhadas por eles e elas, sobreviventes de desigualdades sociais e econômicas: Heloína de Jesus, Lindineia Oliveira, Josevaldo Teixeira, Jedilson dos Santos, Edilúcia Menezes, Daniela Dórea, Alan da Silva, Almir Bispo, Zeferino Nascimento e Robson Santos.

Os curtas são resultados de ação do Programa Institucional de Bolsas de Extensão Universitária (PIBEX/UFRB), realizada em 2018, nas cidades de Salvador e Cachoeira, em que foram desenvolvidos produtos de comunicação voltadas para a redução de danos físicos e sociais de pessoas que fazem uso de drogas em contextos de vulnerabilidade. Intitulada 'Pega Visão', a iniciativa produziu os curtas, spots e podcasts para uso em celular e internet, buscando transmitir informações sobre acesso à justiça, defesa de direitos, racismo, violência contra mulher e à população LGBTQI+, entre outros assuntos. 

“Foi uma experiência rica de trocas e visão de mundo. Participaram do ‘Pega Visão’ as pessoas formadas no curso de redução de danos do Corra, que falaram a partir desse lugar de quem possui vivência neste contexto e, em alguns casos, a sua relação com o uso de drogas, além de suas visões de mundo e processos de auto-organização. Histórias que servem para qualquer um/a que precise pensar a respeito e as possibilidades de se reerguer”, destaca a coordenadora geral do Corra pro Abraço, Trícia Calmon. 

A superintendente de Políticas sobre Drogas e Atenção à Populações Urbanas Vulneráveis (SUPRAD/SJDHDS), Denise Tourinho, acrescenta que “essa relação de parceria com as universidades é absolutamente importante. E o Corra pro Abraço é um campo de muito aprendizado, seja para os profissionais, pessoas acompanhadas e parceiros”. 

Segundo o idealizador e coordenador do programa de extensão, Edgilson Tavares, “a iniciativa foi fundamental para promover uma integração maior entre universidade e sociedade. Um espaço público que tem o dever de abrigar todas as pessoas e demandas sociais”.

Fonte: Ascom/Corra pro Abraço

Áudio:

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.