• Prêmio de boias práticas 2017
  • Novs sedes e visturas reforçam segurança no Sudoeste
  • Investimentos na região sisaleira

Cidadania

19/05/2017 14:06

Beneficiários do Corra Pro Abraço participam de evento artístico sobre a Luta Antimanicomial

Os beneficiários do Programa Corra Pro Abraço, que estão em situação de rua, compareceram na 'Mostra de Arte em Delírios', organizada pela Faculdade Social da Bahia (FSBA), em Salvador, em articulação com a rede de atenção psicossocial, na tarde de quinta-feira (18), Dia Nacional da Luta Antimanicomial. O evento incluiu apresentações artísticas de teatro, música e poesia, no objetivo de debater e estimular a autonomia dos usuários dos serviços da rede e discutir o trabalho desenvolvido pelos profissionais, sobretudo no contexto da Reforma Psiquiátrica.

A atividade foi mais uma das saídas culturais do Corra Pro Abraço, iniciativa da Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS), focada em redução de danos físicos e sociais, no intuito de promover a formação sociopolítica dos seus assistidos. Ana Rodrigues, professora coordenadora dos estágios de Psicologia da FSBA e organizadora do evento, informou que um dos objetivos da mostra é colocar os usuários da rede de atenção como participantes ativos das discussões em torno dos cuidados que recebem. “É o usuário assistindo o usuário, o usuário discutindo como deve ser a prática de trabalho a ser feita com ele. É ele não apenas como objeto desse cuidado”, explicou. 

Com o Teatro ISBA (Instituto Social da Bahia) lotado, técnicos, familiares e usuários da rede de atenção de Salvador, região metropolitana e Recôncavo Baiano foram convidados a ocupar o espaço, cantando e dançando a cada apresentação. As atrações se dividiram entre a Banda CAPS, o cantor Sérgio Santana, que é usuário do Centro de Educação Especial da Bahia (CEEBA), a apresentação do Teatro de Bonecos do CAPS Adilson Sampaio e a encenação da Associação Metamorfose Ambulante (AMEA). 

A arte-educadora do Corra Pro Abraço, Telma Souza, destacou a relevância do encontro dos beneficiários do programa com outros usuários da rede de atenção psicossocial. “Essa saída cultural é muito importante, pois é quando nós colocamos nossos usuários frente a outros, que também são artistas. O que vimos na mostra foram artistas apresentando suas verdades e com o envolvimento de todos os presentes. A proposta do evento leva o usuário a se ver importante, porque muitas vezes ele é tão retirado o tempo todo do convívio social que não se vê mais”.

Já a professora Ana Rodrigues comentou que o evento como uma ação inovadora para a vida dos usuários dos serviços. “Muitos estão no teatro pela primeira vez, tanto no palco quanto como espectadores”. Esse foi o caso de Jedson Oliveira, beneficiário do Corra Pro Abraço. “Nunca tinha ido ao teatro. Achei bastante legal, principalmente para as pessoas que são atendidas”, afirmou. Lúcia Menezes, também beneficiária da iniciativa, também aprovou a atividade da FSBA. “Eu achei ótima a apresentação. Essa é a segunda vez que venho em uma atividade organizada pela faculdade e esse ano foi ainda melhor”. 

Fonte: Ascom/Corra Pro Abraço 

Áudio:

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.