• mapa de mídias
  • Novs sedes e visturas reforçam segurança no Sudoeste
  • Investimentos na região sisaleira

Blog do Programa Digaí, Governador!

Digaí

Digaí, Governador! - Programa #38 - 29/02/2016


A viagem da comitiva do Governo do Estado à China é destaque do programa Digaí, Governador! desta semana. Liderada pelo governador Rui Costa, a equipe viaja em busca de parcerias para concretizar os mais importantes projetos em áreas como infraestrutura e mobilidade na Bahia. De acordo com Rui, a ponte Salvador-Itaparica, o Porto Sul, a Ferrovia de Integração Oeste Leste (Fiol) e o Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) do Subúrbio de Salvador estão incluídos nas negociações. 

“Nós vamos apresentar projetos estruturantes, investimentos na área de infraestrutura logística, na área de energias renováveis, na área de abastecimento e tratamento de água, porque eles também têm empresas que fazem investimentos nessa área. Vamos apresentar as possibilidades de investimentos na Bahia. Nós estamos otimistas, inclusive está no planejamento assinar protocolos de entendimento, [que] já [são] passos adiante para que essas empresas venham produzir aqui”, afirma o governador. 

A comitiva inicia a viagem na próxima sexta-feira (4) e retorna ao Brasil no dia 14. “Eu estou indo acompanhado de empresários baianos, de mineradores instalados na Bahia, para que eles possam ajudar a demonstrar todo o potencial empresarial de nosso estado. E, portanto, quem sabe firmar parcerias de empresas chinesas com empresários baianos e empresários nacionais”, acrescenta Rui. 


LEIA, NA ÍNTEGRA, O TEXTO DA 38ª EDIÇÃO DO PROGRAMA "DIGAÍ, GOVERNADOR!"

Bridgestone

Outro assunto lembrado no Digaí, Governador! é a ampliação dos investimentos na Bahia da Bridgestone, uma das maiores fabricantes de pneus do mundo. A empresa planeja incrementar a produção na unidade de Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador (RMS), e construir um Centro de Distribuição.

“A Bridgestone vai investir R$ 260 milhões, gerando 270 novos postos de trabalho. Isso é importantíssimo porque em um momento de crise como esse que o País passa, anunciar investimentos e novos empregos é algo para ser comemorado. A Bahia se afirma na produção de pneus e para nós é importantíssimo esse anúncio. Eu espero continuar trabalhando para, junto com a iniciativa privada, poder anunciar novos investimentos e novos empregos em nosso estado. É tudo que precisamos – gerar empregos para os pais e as mães de família”, diz Rui. 

Ouça o programa abaixo!



Encostas e estradas

Ainda no Digaí, o governador anuncia que fará a entrega de uma encosta no bairro de Cajazeiras, em Salvador, quando retornar da China. Para encerrar, ele informa que estará em Brasília nesta terça-feira (1º) em reunião com o ministro da Fazenda, Nelson Barbosa. O encontro será importante para a realização de obras nas estradas baianas.  

“Nós vamos conversar sobre os empréstimos que a Bahia tem, precisando apenas de autorização do governo federal, ou seja, não são empréstimos do governo federal. Nós temos dois empréstimos em andamento: um no Banco Mundial, de US$ 200 milhões, o que equivale a mais ou menos R$ 800 milhões. E o segundo empréstimo de € 200 milhões. A nossa ideia é liberar esses recursos para que nós possamos licitar as estradas na Bahia e continuar o trabalho, seja de manutenção, seja de expansão de novas rodovias”. 

O Digaí, Governador! é produzido pela Secretaria de Comunicação Social (Secom), veiculado pela Rádio Educadora FM 107,5 MHz e reproduzido por diversos veículos de comunicação. O programa está disponível no site da Secom e pelo telefone 0800-071-7328.

Edmundo Filho:

Olá, eu sou Edmundo Filho e a partir de agora você confere mais uma edição do nosso encontro semanal com o governador Rui Costa, no nosso Digaí, Governador!. Tudo bem, governador? O senhor começa a semana com boas notícias para os baianos: depois de sexta-feira, assinar mais um protocolo de intenções com uma empresa, ampliando os investimentos na Bahia. Tudo bem, governador?

 

Governador Rui Costa:

Tudo bem. Na sexta-feira assinamos... A Bridgestone vai investir R$ 260 milhões, gerando 270 novos postos de trabalho. Isso é importantíssimo porque em um momento de crise como esse que o País passa, anunciar investimentos e novos empregos é algo para ser comemorado. Nós teremos alguns empregos gerados na ampliação e na construção da ampliação, mais de empregos permanentes, após a conclusão das obras, serão 270 novos postos de trabalho. Então, a Bahia se afirma na produção de pneus. Então para nós é importantíssimo esse anúncio. E eu espero continuar trabalhando para, junto com a iniciativa privada, poder anunciar novos investimentos e novos empregos em nosso Estado. É tudo que precisamos – gerar empregos para os pais e as mães de família.

 

Edmundo:

É nessa corrida por novos negócios que o senhor viaja à China em um encontro internacional com empresários, em busca de mais investimentos para a Bahia, governador?

 

Rui Costa:

Sim, Edmundo. Eu estou indo na sexta-feira agora, dia 4 desse mês, e retorno dia 14. Nesses dez dias que ficarei na China, a ideia é reunir com algumas empresas, dando sequência às reuniões já iniciadas no Brasil. Nós já conversamos com essas empresas. Portanto, como eles mesmos gostam de afirmar, eu irei conversar com o que eles chamam de alto comando das empresas. Ou seja, aqui nós conversamos com gerentes, com superintendente...

 

Edmundo:

Quem tem tinta na caneta, agora!...

 

Rui Costa:

Agora é com quem decide. E nós vamos conversar sobre projetos importantes para a Bahia. A ferrovia – a Fiol – o Porto Sul, conversar sobre a concessão dos aeroportos do nosso Estado, inclusive o Aeroporto de Salvador, conversar sobre a ponte Salvador/Itaparica, conversar sobre o VLT do Subúrbio, que vai ligar a Calçada até Paripe. Enfim, vamos apresentar projetos estruturantes, investimentos na área de infraestrutura logística, na área de energias renováveis, na área de abastecimento e tratamento de água, porque eles também têm empresas que fazem investimentos nessa área. Enfim, vamos apresentar as possibilidades de investimentos na Bahia, e nós estamos otimistas, e inclusive está no planejamento assinar protocolos de entendimento, já passos adiante para que essas empresas venham produzir aqui. Eu estou indo acompanhado de empresários baianos, acompanhado de mineradores instalados na Bahia, para que eles possam ajudar a demonstrar todo o potencial empresarial de nosso Estado. E, portanto, quem sabe firmar parcerias de empresas chinesas com empresários baianos e empresários nacionais.

 

Edmundo:

Governador, mas antes da viagem o senhor tem compromissos, tanto em Brasília como aqui em Salvador, a exemplo da última segunda-feira, quando da entrega de mais uma encosta em Salvador, se antecipando aí a chamada Operação Chuva, que preocupa tantos baianos nesse período de março, que costuma ter um período mais rigoroso em Salvador.

 

Rui:

Ah, sim. Nessa segunda nós fizemos uma entrega de mais uma encosta, lá em Pau da Lima. Toda segunda tem uma inauguração de encosta. Quando eu retornar da China, já temos uma outra programada lá...

 

Edmundo:

São 98 ao todo, não é? 18 são novas...

 

Rui:

São 98. Faremos a entrega de mais uma quando eu retornar, lá na região de Cajazeiras. Investimento de quase R$ 3 milhões. E nessa terça-feira eu estarei em Brasília para me reunir com o ministro da Fazenda, onde nós vamos conversar sobre os empréstimos que a Bahia tem, precisando apenas de autorização do governo federal, ou seja, não são empréstimos do governo federal. Mas toda vez que o Estado, qualquer Estado, tem que contrair empréstimos no exterior, ele precisa do aval, da assinatura do ministro da Fazenda. E, portanto, nós temos dois empréstimos em andamento: um no Banco Mundial, de US$200 milhões, o que equivale hoje, Edmundo, a mais ou menos R$ 800 milhões. E o segundo empréstimo de € 200 milhões. Fazendo uma conta redonda, estamos falando de R$ 1,6 bi destinado a recuperação e a construção de novas estradas. Então, a nossa ideia é liberar esses recursos para que nós possamos licitar as estradas na Bahia e continuar o trabalho de, seja manutenção, seja de expansão de novas rodovias.

 

Edmundo:

Você também pode participar com a gente no Digaí, Governador!, em nosso blog, na página da Secom, secom.ba.gov.br. Governador Rui Costa, mais uma vez obrigado pela oportunidade. Uma boa viagem! E que venham novas notícias e boas notícias para a Bahia nesse encontro internacional na China. Um abraço.

 

Rui Costa:

Um abraço. E tendo boas notícias, nós podemos gravar uma edição extraordinária, direto da China para nossos amigos e amigas que acompanham sempre o Digaí, Governador!.



DIGAÍ SEU COMENTÁRIO:


Deixe sua mensagem
Seu nome
Seu e-mail
Cidade
Mensagem
Digite o código ao lado *
Captcha Image Carregar outra imagem


Voltar    Imprimir Página