• mapa de mídias
  • Investimentos na região sisaleira
  • Sei Bahia

Blog do Programa Digaí, Governador!

Digaí

Digaí, Governador! - Programa #24 - 25/08/2015


“Eu quero essa corrente do bem, a corrente a favor da educação. Do empresário, da mãe, da professora, do comerciante, enfim, que todos estejam mobilizados e buscando ajudar, fazendo um verdadeiro mutirão a favor da educação pública”. O programa multimídia Digaí Governador desta semana traz essa convocação do governador Rui Costa, e conta com a participação da dona Maria Conceição Ferreira, do município de Gavião, que enriquece a edição com uma experiência pessoal.

Também esta semana, o governador participa de um fórum voltado para o tema da educação. Rui fala ainda do programa Água para Todos e da agenda no interior da Bahia, em Itiruçu e em Iaçu, além das viagens à Brasília, onde vai sempre em busca de recursos junto ao governo federal. “Nesta quarta-feira eu volto à Brasília para conversar sobre as obras de encostas, novos recursos, [...] projetos de turismo. Nós vamos acompanhar o andamento dos nossos projetos e espero, em breve, estar assinando novas licitações, novas ordens de serviço, para assegurar a mobilidade urbana na nossa cidade, e também para dar segurança à população”.

Ainda dentro do tema da educação, Rui dá exemplo de caso de sucesso. “Eu conheci o jovem Wallace, de 16 anos, que mora no Engenho Velho da Federação e conseguiu uma vaga para estudar no Colégio da Polícia Militar, no Lobato. E ele sai todos os dias do Engenho Velho da Federação e vai no Lobato para estudar. E ganhou, por três anos consecutivos, medalha da Olimpíada de Matemática. Por dois anos medalha de ouro e este ano medalha de prata. Isso demonstra que com a dedicação do aluno, o envolvimento da família, o apoio dos professores, nós podemos ir muito longe”.



LEIA, NA ÍNTEGRA, O TEXTO DA 24ª EDIÇÃO DO PROGRAMA "DIGAÍ, GOVERNADOR!"

Melhoria da gestão

Outro assunto abordado por Rui, no programa, é o trabalho que está sendo feito para melhorar a gestão, qualificando o gasto público, ampliando serviços, e levando o serviço público para perto do cidadão. “Assim estamos fazendo no Detran, no SAC e vamos fazer na Saúde, enfim, o Estado se aproximando da necessidade da pessoa, onde a pessoa está: no interior, na região, facilitando o acesso do cidadão ao serviço público”.

O governador diz que a organização do serviço de acesso à água tem sido um destaque na sua gestão. “O Programa Água para Todos continua com absoluta prioridade [...]. Água é sinônimo de Saúde, quem não bebe água de qualidade dificilmente terá uma boa saúde, e nós estamos ampliando e queremos em breve chegar à universalização do acesso à água potável. E com isso, nós estamos melhorando também a saúde da nossa população”.

Ouça o programa abaixo!



Interior do estado

No interior, Rui vai, esta semana, a Itiruçu, inaugurar uma obra do Água para Todos. “Em Iaçu é uma agroindústria vocacionada à agricultura familiar. Afinal das contas a Bahia é o estado com o maior número de agricultores familiares e nós estamos buscando agregar valor às cadeias produtivas vinculadas à agricultura familiar. Ou seja, melhorando a renda e os recursos que ficam na mão dos agricultores”.

Todos podem participar do Digaí, Governador! na página da Secom. Os cidadãos podem fazer críticas, sugestões e apresentar ideias. O programa Digaí, Governador! é produzido pela Secretaria de Comunicação Social (Secom), veiculado toda terça-feira, pela Rádio Educadora FM 107,5 MHz e reproduzido por vários veículos de comunicação. Está disponível na internet e pelo telefone 0800-071-7328.

Edmundo Filho:
Olá, eu sou Edmundo Filho, e esta é mais uma edição do nosso encontro semanal com o governador Rui Costa, hoje, fazendo daqui da área externa do Centro Administrativo da Bahia, centro da gestão também do governador Rui Costa. Modelo de gestão: o senhor está fazendo mudanças para otimizar o trabalho do Governo do Estado, para ampliar o serviço à população? Tudo bem, governador?

Governador Rui Costa:
Tudo bem. Hoje aqui nesse ambiente belíssimo, com o dia ensolarado, melhorando a gestão, qualificando o gasto público, ampliando serviços e levando o serviço público para perto do cidadão. Assim estamos fazendo no Detran, no SAC e vamos fazer na saúde, enfim, o Estado se aproximando da necessidade da pessoa, aonde a pessoa está: no interior, na região, enfim, facilitando o acesso do cidadão ao serviço público.

Edmundo:
Nessa perspectiva, a entrega de cisternas, a universalização desse serviço de acesso à água tem sido um destaque na sua gestão também?

Rui Costa:
Ah sim, o Programa Água para Todos continua com absoluta prioridade, porque eu digo assim, Edmundo: água é sinônimo de saúde. Quem não bebe água de qualidade, dificilmente terá uma boa saúde. E nós estamos ampliando e queremos, em breve, chegar a universalização do acesso à água potável. E, com isso, nós estamos melhorando também a saúde da nossa população.

Edmundo:
Um tema prioritário de sua gestão tem sido a educação. Nesta semana, o senhor participa de um fórum voltado para esse tema. Qual a importância do Educar para Transformar na vida das pessoas, o fórum e a discussão com gestores, com educadores e também com a participação de alunos?

Rui Costa:
Olhe, Edmundo, eu tenho procurado, eu diria, conscientizar, conversar, pedindo uma reflexão das famílias para o tema da educação, porque nós precisamos superar, talvez, a mentalidade de alguns que acham que a educação é responsabilidade só do professor, ou é só da escola. Eu digo que não! Eu digo que a minha experiência de vida comprova como de milhares de outras pessoas, que a educação é um somatório, um somatório da mobilização da família, uma mobilização dos amigos e uma dedicação, evidente, dos profissionais voltados à educação e do empenho e da dedicação dos alunos.

Edmundo:
A dona Maria Conceição Ferreira, ela é da cidade de Gavião, e tem um depoimento muito interessante falando exatamente dessa experiência do envolvimento das pessoas na educação dos filhos, sobretudo, do pai e da mãe. Vamos acompanhar para o senhor conhecer um pouco do pensamento dessa baiana da cidade de Gavião.

Da Maria Conceição:
Gostaria de pedir para o governador que continue trabalhando, não é, com a sua meta voltada para a educação. Como mãe de família, quando o meu filho tinha apenas oito anos, eu deixava a minha casa e o acompanhava. A casa e o trabalho, eu deixava as atividades e o acompanhava até a escola para ver o desenvolvimento dele e, graças a Deus, fui bem sucedida. E quero pedir aos demais pais que ajam dessa forma, que é o caminho mais curto para os nossos filhos alcançarem os objetivos.

Governador Rui Costa:
Dona Maria, eu acho que isso faz toda diferença. É isso que eu quero, dar as mãos a todos os baianos e baianas. Eu quero essa corrente do bem, a corrente a favor da educação. Do empresário, da mãe, da professora, do comerciante, enfim, que todos estejam mobilizados e buscando ajudar, fazendo um verdadeiro mutirão a favor da educação pública, a favor, eu diria, da inclusão social, tendo como pilar a educação e a cultura. Hoje mesmo eu conheci o jovem Wallace, um jovem de 16 anos que mora no Engenho Velho da Federação, e ele conseguiu uma vaga para estudar no Colégio da Polícia Militar, no Lobato. E ele sai todos os dias do Engenho Velho da Federação e vai no Lobato para estudar. E ganhou, por três anos consecutivos, medalha da Olimpíada de Matemática. Por dois anos medalha de ouro e este ano, medalha de prata. Isso demonstra o quanto da dedicação do aluno, o envolvimento da família, o apoio dos professores, nós podemos ir muito longe na educação, no esporte, enfim, construindo um Estado que prioriza o desenvolvimento, a inclusão social e, com isso, teremos um Estado em que se vive em paz, porque a paz é conseguida não com a força do aparato militar. Mas a paz é conseguida, fundamentalmente, com esporte, lazer, cultura e educação.

Edmundo:
Governador, o senhor tem tido uma agenda voltada não só para o interior, mas também para a capital federal, em busca de recursos para a Bahia. Essa semana tem mais novidades para o interior, para nossa capital, para os baianos?

Rui Costa:
É. Temos que, com a ausência de recursos aqui no governo do Estado, estar sempre atento, acompanhando os projetos nossos que estão tramitando em Brasília. Nesta quarta-feira eu volto à Brasília para conversar sobre as obras de encostas, novos recursos que nós estamos buscando, sobre os projetos de mobilidade urbana, sobre projetos de turismo, enfim, nós vamos acompanhar o andamento dos nossos projetos e espero, em breve, estar assinando novas licitações, novas ordens de serviço, primeiro, para assegurar a mobilidade urbana na nossa cidade, como também para dar segurança a população que vive nas encostas.

Edmundo:
Governador, ainda tem duas cidades baianas, de regiões diferentes, recebendo obras e serviços do governo do Estado essa semana?

Rui Costa:
Há sim. Em Itiruçu é o Água para Todos chegando para melhorar o abastecimento de água, com o sistema que nós fizemos. Em Iaçu é uma agroindústria vocacionada à agricultura familiar. Afinal das contas a Bahia é o Estado com o maior número de agricultores familiares e nós estamos buscando agregar valor às cadeias produtivas vinculadas à agricultura familiar. Ou seja, melhorando a renda e os recursos que ficam na mão dos agricultores.

Edmundo:
Você também pode participar do Digaí, Governador!. Acesse a nossa página: www.secom.ba.gov.br. Venha fazer o programa com a gente! Governador Rui Costa, mais uma vez obrigado pela participação em nosso programa e até o nosso próximo encontro. Um abraço!

Rui Costa:
Um abraço. E contamos com a sua participação. Participe. Venha contribuir com o Digaí, Governador!


DIGAÍ SEU COMENTÁRIO:


Deixe sua mensagem
Seu nome
Seu e-mail
Cidade
Mensagem
Digite o código ao lado *
Captcha Image Carregar outra imagem


Voltar    Imprimir Página