• Novs sedes e visturas reforçam segurança no Sudoeste
  • Investimentos na região sisaleira

Blog do Programa Digaí, Governador!

Digaí

Digaí, Governador! - Programa #17 - 07/07/2015


Na semana em que foram reiniciadas as aulas na rede estadual de ensino, o Governo do Estado assina convênios com 113 prefeituras que beneficiam mais de 100 mil pessoas por meio do programa Todos pela Alfabetização, o TOPA. A parceria, que foi divulgada pelo governador Rui Costa no programa Digaí, Governador!, será firmada em solenidade que acontece nesta quinta-feira (9), no auditório da Secretaria da Educação, no Centro Administrativo da Bahia (CAB).

Serão destinados cerca de R$ 2,5 milhões para que os municípios conveniados promovam a alimentação dos alfabetizandos, garantindo a permanência desses alunos em sala de aula. "Nós tivemos até aqui um milhão e duzentos mil baianos e baianas participando, indo para a sala de aula, e nós queremos seguir com esse programa, incentivando que pessoas que não foram alfabetizados possam ingressar no mundo das letras, no universo das letras, e possam com isso estimular que toda a família recoloque e revalorize a educação no primeiro plano, no patamar de absoluta prioridade", disse o governador na entrevista. 

Ainda sobre educação, Rui respondeu à estudante Beatriz Macêdo, uma das líderes de classe do Colégio Estadual Evaristo da Veiga, que perguntou sobre o papel das lideranças na promoção de melhorias para as escolas. "Na impossibilidade de conversar com todos os alunos, nada melhor do que eleger alguns representantes dentro da escola e que a direção da Secretaria (da Educação) possa dialogar de forma mais permanente com esses líderes e, com isso, resolver os problemas e buscar as soluções que cada escola esteja vivenciando", explicou o governador. 

Agenda da semana

No programa, Rui também falou sobre a agenda de trabalho desta semana. Nesta terça, ele entrega mais 932 unidades habitacionais em Feira de Santana, onde também inaugura o serviço de endoscopia digestiva do Centro de Hemorragia Digestiva do Hospital Clériston Andrade.

Na sexta, na cidade de Itacaré, ele inaugura a estrada de Taboquinhas, que vai encurtar a distância de quem segue da BR-101 para as praias da região sul do estado. No sábado, será a vez de Rui entregar o sistema de abastecimento de água na cidade de Itiruçu, "porque água de qualidade é condição absoluta para melhorar a saúde da população", enfatizou o governador.

Para Rui, a reunião do Comitê Executivo do Pacto Pela Vida, que acontece na quarta-feira, é um dos destaques da agenda desta semana. Desta vez, lideranças religiosas foram convidadas a participar do encontro. O governador explicou que busca o envolvimento desses líderes para além do tema segurança pública: "Eu estou chamando, convidando todas as religiões para uma corrente do bem para que eles possam nos ajudar, tanto [no Pacto pela Vida, quanto] no Pacto Pela Educação, reforçando dentro de cada religião esse estímulo para a educação". Ele destacou, ainda, que vai abrir as escolas estaduais e pedir à Secretaria de Educação que prepare um programa onde cada religião possa ter um espaço para se apresentar, "dando absolutamente liberdade para os jovens escolherem ou não a religião". 

O programa ‘Digaí, Governador’ é produzido pela Secom, veiculado toda terça-feira, às 7h30, pela Rádio Educadora FM 107,5 MHz e reproduzido por vários veículos de comunicação. Está disponível no site, pelo telefone 0800-071-7328 e pelo Blog Diga Aí, Governador!.



LEIA, NA ÍNTEGRA, O TEXTO DA 17ª EDIÇÃO DO PROGRAMA "DIGAÍ, GOVERNADOR!"

Silvana Oliveira:
Olá, eu sou Silvana Oliveira e este é o nosso encontro semanal com o governador Rui Costa. Tudo bem, governador? Uma semana que começou com muito trabalho e boas notícias nas áreas de saneamento, mobilidade e também de encostas.

Governador Rui Costa:
Ah, sim. A semana começa muito bem. Eu estive participando da inauguração de uma escola lá em Santo Amaro, que levou o nome da minha mãe, uma emoção especial. E também nessa segunda-feira, o anúncio de mais de R$ 600 milhões de investimento aqui para a Bahia, contemplando vários municípios, incluindo aí Salvador, em obras de urbanização, de macrodrenagem e também obras de abastecimento de água e de esgoto. Enfim, é a presidenta Dilma demonstrando o seu carinho, a sua atenção pela Bahia, em uma parceria do governo federal e do governo do Estado.

Silvana Oliveira:
E com relação às encostas, governador?

Rui Costa:
Olhe, das encostas, nós tivemos uma reunião com os Ministérios das Cidades e da Integração para tratar desse assunto e ficou decidido duas frentes de trabalho: uma para acompanhar a construção das novas habitações - nós solicitamos 5 mil novas unidades do governo federal - e a segunda frente de trabalho das obras de proteção das encostas, e a expectativa é que as casas nós possamos contratar aí lá para, no máximo, outubro e as obras de encosta nós possamos tirar todas as dúvidas técnicas junto ao Ministério em, no máximo, 15 dias e aguardar a definição do Ministério quanto ao valor a ser investido.


 


Silvana Oliveira:
A semana é especial também na área de educação, com a volta às aulas de mais de 900 mil alunos da rede estadual e, claro, a convocação dos pais para participarem da eleição do conselho escolar.

Rui Costa:
Ah, sim. Nós temos estimulado muito, primeiro, que os alunos participem da eleição, da escolha dos líderes, estimulando também que a família venha abraçar a escola. Eu tenho a plena convicção de que isso faz toda diferença.



Silvana Oliveira:
E é exatamente sobre participação escolar a pergunta de uma das líderes de classe do Colégio Estadual Evaristo da Veiga, a Beatriz Macêdo. Vamos acompanhar.

Beatriz Macêdo: Governador Rui Costa, esse tempo integral e esse negócio de líder e vice-líder, você acha que realmente isso vai trazer uma melhora para a escola?

Rui Costa:
Olhe, eu acho sim, Beatriz. Primeiro, a educação em tempo integral é uma meta nossa de crescer bastante a quantidade de escolas que têm esse regime, porque o aluno, o estudante passa o dia todo na escola. É uma parte tendo a aula tradicional e outra parte aprendendo uma profissão, fazendo uma prática esportiva, uma prática cultural. Enfim, é educação pensada integralmente e, na impossibilidade de conversar com todos os alunos da escola, nada melhor do que eleger alguns representantes dentro da escola e que a direção da Secretaria (da educação) possa dialogar de forma mais permanente com esses líderes e, com isso, resolver os problemas e buscar as soluções que cada escola esteja vivenciando.

Silvana Oliveira:
Na quinta-feira, serão assinados convênios com 113 prefeituras parceiras do Topa, o Todos Pela Alfabetização, que beneficia aí adultos e idosos.

Rui Costa:
Eu considero o Topa um programa excepcional porque na medida em que os pais, avós, que não são alfabetizados, vão para a sala de aula, isso motiva toda a família a revalorizar a educação. Nós tivemos até aqui um milhão e duzentos mil baianos e baianas participando, indo para a sala de aula, e nós queremos seguir com esse programa, incentivando que pessoas que não foram alfabetizados possam ingressar no mundo das letras, no universo das letras, e possam com isso estimular que toda a família recoloque e revalorize a educação no primeiro plano, no patamar de absoluta prioridade.

Silvana Oliveira:
Na quarta-feira, governador, o senhor se encontra com líderes religiosos na reunião do Pacto Pela Vida. De que forma essas lideranças podem colaborar com a educação e com o fortalecimento de valores?

Rui Costa:
Eu estou chamando, convidando todas as religiões para uma corrente do bem para que eles possam nos ajudar, tanto no Pacto Pela Educação, reforçando dentro de cada religião esse estimulo para a educação, para as famílias se envolverem na educação, como também eu vou abrir as escolas estaduais e pedi a Secretaria de Educação que prepare um programa onde cada religião possa ter um espaço para se apresentar, apresentar suas idéias aos jovens e aos estudantes dentro das escolas. Obviamente, eu quero deixar isso muito bem claro, o Estado e nem o Governador pode escolher, direcionar, induzir qualquer pessoa para uma escolha religiosa. Mas eu acho que é importante que nós possamos discutir nas escolas valores de vida, da conduta humana, dando absolutamente liberdade para os jovens escolherem ou não a religião, mas ai é a decisão individual de cada um!

Silvana Oliveira:
E a semana ainda vai ser de muitas viagens...

Rui Costa:
É, nesta terça-feira nós estaremos em Feira de Santana inaugurando mais habitações, mais morarias para a população. Vamos visitar também o hospital (Clériston Andrade) com a abertura de novos serviços. Na quinta-feira eu estarei em Santo Antônio de Jesus inaugurando uma nova unidade da Natulab, uma empresa de fabricação de remédios. Na sexta-feira, nós estaremos lá no sul do estado, na cidade de Itacaré, um importante trecho turístico ali. Nós vamos inaugurar a estrada de Taboquinhas, que é um distrito que chega nas praias de Itacaré e, portanto, importantíssimo porque encurta a distância de quem vem da BR-101. E no sábado, nós vamos inaugurar um sistema de abastecimento de água na cidade de Itiruçu, porque água de qualidade é condição absoluta para melhorar a saúde da população.

Silvana Oliveira:
Obrigada governador e bom trabalho.

Rui Costa:
Eu que agradeço. E a correria continua!


DIGAÍ SEU COMENTÁRIO:


Nome:  Juliano
E-mail:  juliano16@gmail.com
Cidade:  Ilhéus
Enviado em:  13/07/2015 16:24
Mensagem:  Gostaria de saber se o Governador ainda vai realizar a construção da nova ponte, do saneamento da zona sul e do Hospital em Ilhéus, além da duplicação da BR415. Foram promessas de campanha que iniciaram ainda no governo Jaques Wagner. Essas obras são necessárias para não causar um crescimento populacional desestruturado após a implantação do porto e da ZPE. A população já está descrente e revoltada com a falta comunicação do Governo acerca desse assunto. Precisamos de uma resposta digna de um Governador.

Deixe sua mensagem
Seu nome
Seu e-mail
Cidade
Mensagem
Digite o código ao lado *
Captcha Image Carregar outra imagem


Voltar    Imprimir Página