• Prêmio de boias práticas 2017
  • Novs sedes e visturas reforçam segurança no Sudoeste
  • Investimentos na região sisaleira

Cultura

19/05/2017 18:10

Sarau da Osba retoma apresentações no MAM

A riqueza cultural da Orquestra Sinfônica da Bahia (Osba) está de volta ao Solar do Unhão, no Museu de Arte Moderna (Mam). Na tarde desta sexta-feira (19), foi iniciada mais uma temporada do projeto Sarau Osba no Mam, com a combinação de diversas linguagens artísticas, entre elas música clássica e declamação de poesia.

O acesso ao erudito é garantido pela Osba, mesmo fora do Teatro Castro Alves. Para o maestro e curador artístico, Carlos Prazeres, “é algo simbólico a gente sair do nosso castelo que é o Teatro Castro Alves e ganhar as ruas. Isso possibilita novas dinâmica de apresentações. O sarau é um tipo de apresentação em que a gente convida o público a participar. O público é coparticipante, seja com dança, poesia, dando dicas de livros”, explica Prazeres.

Os encontros gratuitos acontecem uma vez por mês, sempre em um dia de sexta-feira, com sessões às 17h e 19h, no Casarão. De acordo com a diretora do Mam, Ana Liberato, a volta das apresentações da Osba enriquece o cardápio cultural do museu. “O projeto é muito interessante e atrai a atenção das pessoas. Unir a música às artes plásticas é importante para todo mundo, pois o espaço fica mais rico na oferta de conteúdo artístico”, afirma.

A universitária Milena Nervino se sentiu atraída pelo Mam especialmente pela música. A jovem de 23 anos ressalta a riqueza de informações no local. “A música foi o que me trouxe hoje aqui. O museu é um poço de conhecimento cultural e com a combinação com música passa ser um lugar mais atrativo”, destaca.

Três exposições simultâneas também estão em cartaz no Museu de Arte Moderna da Bahia. As mostras integram a 15ª Semana de Museus. O Casarão do Mam apresenta ao público a mostra ‘Elas’, expondo recortes do próprio acervo valorizando a criatividade feminina. Já a Capela recebe os trabalhos da fotógrafa Rose Nascimento em ‘Eles por Ela’, onde 23 imagens de seis modelos masculinos abordam questões como o nu artístico, beleza e a sensualidade das relações homoafetivas. A Galeria Novos – antiga Galeria 3 – traz fotografias de 58 profissionais e amadores com foco na natureza. A coletiva ‘Natureza que Aflora’ tem curadoria de Tibério França. A visitação é de terça a domingo, das 13h às 17h, gratuitamente.


Repórter: Leonardo Martins

Áudio:

Vídeo:

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.