• mapa de mídias
  • Investimentos na região sisaleira
  • Sei Bahia

Governo

18/04/2017 12:10

Rui participa de evento pelos dez anos da Bridgestone na Bahia

Há dez anos operando no estado da Bahia, a Bridgestone, maior fabricante mundial de pneus, comemora uma década instalada no Polo Industrial de Camaçari, com investimentos recentes e ampliação da produção, além de parcerias com o Governo do Estado. Uma cerimônia realizada, nesta terça-feira (18), com a presença do governador Rui Costa, celebrou as conquistas da multinacional japonesa e da economia baiana.

Depois de se reunir com a presidência da Bridgestone, Rui conheceu a infraestrutura da fábrica e plantou mudas de árvores. Para o governador, estabelecer parcerias com empresas do porte da Bridgestone é importante para a economia do estado em diferentes setores. “No momento econômico atual do mundo globalizado, a Bridgestone, como outras empresas, vão instalar suas fábricas onde esperam ter mais retorno, isso depende do incentivo fiscal de países e estados. E para nós, da Bahia, não é fácil esse tipo de renúncia fiscal, é um esforço muito grande. Mas não é só isso. O que mantém e faz com que outras empresas desejem vir para a Bahia é a qualidade da mão de obra, é a produtividade do povo baiano. Por isso que nessa celebração dos dez anos, escutei da direção da empresa que o padrão de qualidade dos baianos é a força de vontade e de trabalho do povo da Bahia”, revelou Rui.

Rui
(Foto: Manu Dias/GOVBA)

Recentemente, a empresa recebeu investimentos na ordem de R$ 250 milhões, o que ampliou a capacidade produtiva de oito mil para dez mil pneus por dia. Produtos que abastecem o mercado brasileiro e da América Latina, além de serem exportados para a América do Norte. Primeira empresa a aderir ao programa Primeiro Emprego, em 2016, atualmente a multinacional é responsável por 800 empregos diretos e 430 indiretos. A localização estratégica da planta ainda permite abastecer as regiões Norte e Nordeste do país, otimizando o tempo de entrega e custos de logística. “Agradeço a Bridgestone por ser uma das primeiras empresas a aderir ao Programa Primeiro Emprego, porque nesse momento precisamos dar esperança à nossa juventude, fazê-los acreditar nos estudos e no trabalho”, destacou Rui.

Parceria 

O secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, Jaques Wagner, ressaltou que estar presente no evento "é um motivo de alegria. Enquanto governador, participei da inauguração, e agora, dez anos depois, ao lado do governador Rui Costa, vejo que a fábrica cresceu e investiu mais. Naquela época, começaram com 300 trabalhadores, agora já vão para 800 e tem outra expansão programada. Fico feliz de ver que a Bridgestone continua contratando e formando mais pessoas. Abraçou o Programa Primeiro Emprego. E é isso que a gente quer: novos investimentos, mais empregos, melhora na renda familiar e que as pessoas tenham mais cidadania e dignidade para viver". 

O presidente da Bridgestone, Fabio Fossen, também falou sobre a parceria com o Governo. “Na Bahia temos um exemplo muito importante de parcerias com o Governo do Estado, como o Programa do Primeiro Emprego, quando capacitamos jovens para a vida profissional, para se tornar adultos produtivos contribuindo para o futuro do nosso país. Isso é uma forma também de premiar os bons estudantes, podendo depois ser contratados pela própria empresa, o que já aconteceu. É importante que possamos participar desses programas e eu agradeço ao convite do Governo do Estado para fazer parte dessa iniciativa".

Rui
(Foto: Manu Dias/GOVBA)


Homenagens


Na comemoração da Bridgestone, funcionários que fizeram história junto com a empresa nesses últimos dez anos foram homenageados. São homens e mulheres como a analista administrativa Lucyolla Santiago, que acredita que cresceu junto com a planta durante a década que comemora como funcionária da empresa. "Eu me sinto muito feliz pela lembrança, que é um retrato de como nós somos valorizados aqui. Hoje sou muito mais preparada do que quando cheguei, porque a Bridgestone aposta e investe também na qualificação dos funcionários, com treinamentos, e tantas outras experiências aqui na Bahia e também em São Paulo, onde tem outra planta da empresa ", contou Lucyolla.


Repórter: Anna Larissa Falcão

Áudio:

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.