• mapa de mídias
  • Investimentos na região sisaleira
  • Sei Bahia

Voluntárias Sociais da Bahia

18/03/2017 13:00

Mutirão oferece diversos serviços para saúde da mulher

Apenas neste sábado (18), 400 mulheres já foram atendidas pelo Mutirão Março Mulher, realizado pelas Voluntárias Sociais da Bahia (VSBA). A empregada doméstica Eunice Araújo foi uma das primeiras a chegar ao Hospital da Mulher, nesta manhã. A moradora do Alto do Cabrito não quis perder a oportunidade de saber se está com a saúde em dia. O mutirão oferece serviços de colocação do dispositivo intrauterino (DIU) e exames preventivos para o público feminino.

“Fiz exame preventivo para saber se está tudo bem com minha saúde. O serviço é de extrema importância, não só para mim, como para todas as mulheres que estão aqui. Qualquer problema a gente já pode tratar aqui mesmo”, afirma Eunice.

A mamografia também está entre os serviços prestados. Duzentas mulheres passaram pelo exame no Centro Estadual de Oncologia, localizado na Avenida Vasco da Gama. O procedimento é rápido e o resultado sai em poucos minutos. “Há pouco tempo, senti umas pontadas em um dos seios. A mama ficou sensível e depois passou. Fiquei preocupada e ao saber da oportunidade, resolvi encarar e fazer logo os exames. Para uma mulher é importante saber que está bem. Caso não esteja, é necessário já iniciar os tratamentos”, destaca a dona de casa, Ana Carla Fagundes.

No mês dedicado às mulheres, 9,6 mil pessoas serão atendidas em diversas especialidades, e 7 mil procedimentos vão ser realizados. Desde o início do mutirão, já foram atendidas 4,6 mil pessoas e outras cinco mil mulheres realizam procedimentos no Centro Estadual de Oncologia (Cican), no Hospital da Mulher e no Oftalmodiagnose – Hospital de Olhos. O atendimento é exclusivo para as mulheres que preencheram ficha cadastral disponibilizada pelas Voluntárias Sociais durante a Feira Março Mulher, realizada no último domingo (12).

Na ocasião, foram oferecidos serviços gratuitos de saúde, beleza, bem-estar e cidadania. Os atendimentos incluíram aferição da pressão, medição de glicemia, pesagem, orientação nutricional, realização de mamografias, além de procedimentos odontológicos.

“Esta é uma ação das Voluntárias que contemplam as mulheres. Desta forma garantimos o acesso da população a serviços básicos importantíssimos para a preservação da saúde e o tratamento de doenças que venham a ser diagnosticadas”, explica a diretora das VSBA, Leila Colangeli.


Mutirão de Catarata

Além do atendimento no Hospital da Mulher e no Cican, outras ações contemplam também o público feminino. No Hospital da Bahia, as Voluntárias Sociais dão continuidade ao Mutirão de Catarata do Projeto Natal Solidário. Quem fez a cirurgia no mês passado, agora passa por uma revisão. Dona Maria Evangelista, de 62 anos, tinha operado o olho direito e recebeu a notícia do médico que a recuperação está seguindo o fluxo normal. Emocionada, a dona de casa ressalta a satisfação pela correção do problema ocular.

“É maravilhoso. Antes eu olhava e via o borrão, mas agora voltei a enxergar de maneira clara. Isso não tem preço. Estou muito feliz com o resultado”, afirma a paciente.

A catarata é uma das principais causas da cegueira na velhice. Caso a doença seja diagnosticada, a cirurgia é recomendada para idosos a partir de 60 anos de idade. “A catarata é o envelhecimento de uma parte do olho. Se não for tratada pode levar à cegueira. Por isso, destaco a importância do mutirão. Ele garante um serviço necessário para pessoas que não teriam condições de ter acesso a esse procedimento”, afirma o oftalmologista Augusto Faro. O Mutirão Março Mulher realiza atendimentos até o fim deste mês.


Repórter: Leonardo Martins

Áudio:

Vídeo:

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.