• Prêmio de boias práticas 2017
  • Partiu Estágio
  • Novs sedes e visturas reforçam segurança no Sudoeste
  • Investimentos na região sisaleira

Educação

20/01/2017 16:30

Programa Primeiro Emprego contempla 42 jovens de Ilhéus e Itabuna

Os 42 jovens contemplados pelo Programa Primeiro Emprego, do Governo do Estado, nas cidades de Itabuna e Ilhéus, na região Sul da Bahia, tiveram um dia especial, nesta sexta-feira (20). Os recém-formados em cursos técnicos pela rede estadual da Educação Profissional tiveram suas Carteiras de Trabalho assinadas, durante o Seminário Integrado de Acolhimento do Programa Primeiro Emprego, realizado na Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc). Do total, 21 técnicos irão trabalhar na Uesc, 14 nas escolas públicas estaduais e no Núcleo Regional de Educação (NRE 5), em Itabuna, e sete em setores ligados à Secretaria de Segurança Pública do Estado.

A técnica em Logística, formada pelo Centro Estadual Educacional Profissional (CEEP) em Logística, Transporte e Produção Industrial, de Ilhéus, Caroline Guedes, 20 anos, é um dos jovens que irão atuar na Secretaria da Educação do Estado. “É o meu primeiro emprego e isto significa o primeiro passo para a busca do meu sucesso profissional e de uma qualidade de vida para alcançar os meus objetivos futuros, como por exemplo entrar para uma faculdade de Engenharia de Produção ou de Administração”, comenta.

Durante o seminário, os técnicos conheceram mais detalhadamente sobre os benefícios do Programa Primeiro Emprego que, este ano, convocou 383 estudantes. Até 2018, o programa irá oferecer nove mil vagas. Ainda no evento, houve a assinatura do Termo de Anuência entre a Uesc e a Fundação Luiz Eduardo Magalhães (Flem), para a execução do programa na região.

De acordo com a coordenadora do programa na Flem, Ana Gleise Souza, os técnicos terão todos os direitos trabalhistas garantidos, além da bolsa de um salário mínimo, carteira assinada, ticket refeição, vale-transporte e, caso tenham interesse, podem se associar ao Planserv (Assistência à Saúde dos Servidores Públicos Estaduais). No Estado, o contrato tem duração de 24 meses.


Fonte: Ascom/ Secretaria da Educação do Estado

Áudio:

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.